Oficina de arte com materiais naturais

Exercite a criatividade fazendo peças com matéria prima natural e objetos reciclados

Caraíva

2h30

Água, chá e biscoitos

Português


A experiência

Junto à cadela Nina, Carina te recebe no ateliê e apresenta os recursos naturais dali, falando sobre seu uso consciente e ensinando a ter outro olhar sobre o lixo para transformá-lo em objetivos decorativos ou utilitários. Daí ela te convida a criar sua própria peça para levar para casa que tal um pendurador de chave feito com madeira reaproveitada? Crianças a partir de cinco anos podem participar e têm atividades direcionadas a elas.

O Lugar

Num cantinho privilegiado da rua principal, com vista para o rio, o ateliê amplo e arejado parece em sintonia com a natureza – uma mangueira grande cresce dentro da sala e atravessa o telhado. Em diversas mesas e prateleiras, Carina expõe alguns trabalhos, como bandejas e utensílios de cozinha produzidos com madeira e tartarugas de mosaico feito com coco.


Aquele detalhe

Carina oferece água aromatizada com almesca (árvore típica cuja resina tem propriedades medicinais).

Porque é especial

Por estimular a criatividade e a sustentabilidade numa atividade relaxante para toda família.

Não perca

Os gatinhos e cachorros de madeira feitos por Carina cujo dinheiro da venda é revertido para cuidar de animais de rua da vila.


Conheça mais

Sua anfitriã

Carina Salgado diz que foi só atravessar o rio Caraíva para saber que era ali seu lugar no mundo. A mineira, que realizou diversos cursos de arte e artesanato ao longo da vida, montou ali seu ateliê, onde passou a trabalhar materiais locais como raízes, cascas, folhas e sementes.

Experiências em Trancoso e Caraíva

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nulla id dui tristique, dignissim nulla ut, lacinia leo. Sed gravida risus vel justo euismod fringilla. Quisque ullamcorper facilisis justo, non rhoncus purus dapibus eu. Suspendisse ullamcorper neque sit amet lorem semper ullamcorper. Curabitur gravida elementum ipsum, sed vestibulum augue euismod at. Nunc ut felis ac urna volutpat porttitor et non orci. Suspendisse eget neque nisi. Nulla sem mauris, dictum vehicula turpis quis, ullamcorper dictum urna. Pellentesque aliquet mi id sem sollicitudin, at dapibus lectus semper.

Experiências em Caraíva


Experiências em Trancoso


Caraíva

Apesar o desenvolvimento da última década, que elevou os preços e trouxe luz elétrica e badalação, Caraíva conserva rusticidade e ares sossegados que cativam rapidamente quem faz a rápida travessia de canoa para desembarcar ali. Localizada numa pequena península no encontro do Rio Caraíva com o mar, a vila compreende um punhado de quarteirões com ruas de areia fofa, casinhas simples e esquinas adornadas pelas pinturas da artista local Duca e mangueiras, amendoeiras e jambeiros. O adorável conjunto de lojinhas, restaurantes, bares e cafés enche e desenche ao sabor das temporadas. O celular não pega, carros são proibidos. A população de pouco mais de mil pessoas une moradores e a comunidade indígena pataxó, que influencia a gastronomia e o artesanato local. A viagem se dá entre a praia de água turquesa, os pores do sol no rio e as noites de forrós, quase sagradas.


As Praias

A principal, chamada de Praia de Caraíva, tem cerca de 2 km de areia fofa e mar clarinho, com muita vegetação e poucas barracas. Na Barra, onde o rio encontra o mar, o visual é belo e as árvores fazem sombra. Atravessando o rio de canoa e caminhando cerca de meia hora você alcança a Praia do Satu, onde ficam duas lagoas de água doce. De bugue, de barco ou com uma pernada boa você chega à Ponta do Corumbau, onde na maré baixa se formam piscinas naturais e uma ponta de areia permite caminhar para “dentro” do mar. Também há passeios à famosa Praia do Espelho.


Outras Atrações

No caminho entre Trancoso e Caraíva você pode parar em Itaporanga, um pequeno vilarejo expoente em artesanato com lojas de utensílios de cozinha e artigos de decoração. Em Caraíva um dos passeios mais procurados é o boia-cross no Rio Caraíva, onde você desce pela correnteza sem fazer esforço. De caiaque e stand up paddle também dá para curtir o rio. Para conhecer mais sobre a comunidade pataxó, procure passeios pelas aldeias do Porto do Boi ou de Barra Velha. Para um dia zen, algumas pousadas oferecem aulas de yoga abertas ao público.


Como Chegar

Caraíva está a 120 km do aeroporto de Porto Seguro – os últimos 40 km são de terra. Quem vem de carro precisa deixa-lo num estacionamento e pegar uma canoa para atravessar o rio até a vila (R$ 5 por pessoa).

TRANSFERS: Do aeroporto de Porto Seguro até Caraíva cobra-se em média R$ 400 pelo deslocamento. De Trancoso, sai R$ 220.

TRANSPORTE PÚBLICO: Vá de táxi de Porto Seguro até a balsa de Arraial d’Ajuda (cerca de R$ 20), atravesse (R$ 4,50) e pegue o ônibus até Caraíva (por volta de R$ 20). De Trancoso há três ônibus (cerca de R$ 17) ao dia.

Trancoso

Trancoso é a própria expressão “hippie-chique”. O astral é relaxado, a natureza, abundante, e as casinhas do centro tombado, singelas. Mas seus restaurantes são de alta gastronomia, seus bares de praia servem coco em cestinhas de palha, suas lojas vendem produtos de grife e seu público fiel atrai celebridades. Seu charme é a combinação da simplicidade e o acolhimento dos locais com as adições de gente que veio de fora e não arredou mais o pé dali.

Das mais carismáticas praças do Brasil, o Quadrado de Trancoso é um terreno gramado amplo disposto ao redor da igrejinha do século 16. Em suas laterais estão construções coloridas que abrigam lojas, cafés e restaurantes que dispõem de música ao vivo e mesas externas encimadas por luminárias pendendo dos galhos de grandes amendoeiras. A vida passa devagar ali entre crianças que jogam bola no campinho, jegues e cachorros andando soltos, banquinhas de artesanato e tapioca, e casais e famílias escolhendo o menu da noite (de moqueca a sushi, de ceviche peruano a carnes argentinas).


As Praias

Descendo pelo Quadrado e atravessando uma pequena ponte de madeira chega-se a Praia dos Coqueiros, onde já dá para apreciar o visual cênico com a mata nativa, o riozinho, o manguezal. Em direção ao norte você passa pela Praia dos Nativos e, mais a frente, pelo Rio da Barra, onde há belas falésias avermelhadas. Já ao sul você eventualmente chega na praia do Rio Verde e, na sequência, na Ponta de Itapororoca. Bares e beach clubs pé na areia se enfileiram entre versões sofisticadas pertencentes a pousadas com festas no pôr do sol a barracas mais tradicionais que oferecem pratos de peixe com farofa de banana.


Outras Atrações

Quem curte caminhadas longas tem prato cheio em Trancoso: são 13 km, por exemplo, para ir do centro até a Praia de Mucugê, já em Arraial d’Ajuda, sempre pela areia. No outro sentido, um percurso de 17 km passa por praias vazias como Itaquena, Patimirim e a bela Barra do Rio dos Frades, onde o rio encontra o mar até chegar na famigerada Praia do Espelho. Quem preferir chegar mais rápido pode tomar passeios de lancha, quadriciclo ou carro para conhecer a praia. Também é possível curtir os arredores de Trancoso longe do mar, em tours de caiaque ou stand up pelo rio Trancoso.


Como Chegar

Trancoso está a 80 km em estrada asfaltada de Porto Seguro. Também é possível ir via Arraial d’Ajuda – neste caso, são cerca de 40 km a partir da chegada da balsa até Trancoso. De Arraial também tem como ir pela estrada antiga (26 km, 15 deles de terra).

TRANSFERS: Saindo do aeroporto de Porto Seguro, os transportes custam em média R$ 230 até Trancoso.

TRANSPORTE PÚBLICO: Para baratear o deslocamento, é possível pegar um táxi até a balsa de Arraial D’Ajuda (cerca de R$ 20), atravessar a pé (R$ 4,50) e de lá seguir de ônibus (em média R$ 11) até Trancoso.

Arraial d’Ajuda

A uma balsa de distância de Porto Seguro, Arraial é um dos vilarejos de praia mais completos do Brasil. Quer um centrinho charmoso? É só caminhar pela Rua Mucugê e pelo Beco das Cores, com restaurantes, sorveterias e bares enfileirados. Comprinhas? Siga para a Broadway, cheia de lojas com lembranças da região. Casario histórico? Na praça principal, tombada pelo IPHAN, construções coloniais coloridas estão dispostas ao redor da Igreja Matriz Nossa Senhora D’Ajuda – atrás dela, um mirante com mureta coberta por fitas do Senhor do Bonfim deixa ver o encontro do Rio Buranhém com o mar. Procura agito? Tem baladas que funcionam o ano todo e barracas de praia para deixar o dia passar entre uma caipirinha e outra. De praias, então, Arraial esbanja variedade: com fervo, diante de falésias, que formam piscinas naturais. Dá tanto para curtir a viagem a pé quanto embarcar em passeios: Arraial também está bem posicionada para conhecer Trancoso ou a Praia do Espelho e voltar no mesmo dia.


As Praias

As praias de Arraial têm como denominador comum o mar calmo azul-claro, a faixa de areia dourada e os coqueiros abundantes. Colada na vila fica a Praia de Mucugê, ocupada por barracas e restaurantes animados. Mais adiante está o trecho chamado de Parracho, onde abrem beach clubs no verão, e, na sequência, a Pitinga, enfeitada por falésias avermelhadas. De lá dá para ir até a Praia de Taípe, já a 14 km do centro, onde movimento arrefece, as falésias seguem na paisagem e o ambiente é mais natural. Em direção a Porto Seguro, Araçaípe oferece um recanto gostoso para fazer snorkel na maré baixa.


Outras Atrações

Empresas da região organizam atividades de esporte e ecoturismo como trilha de quadriciclo até Taípe e pedalada pelas praias. Tradicional no destino, o Arraial d’Ajuda Ecoparque tem brinquedos de parque aquático (toboáguas, piscina de ondas, escorregador para boias) bem integrados com a natureza. Trancoso e Porto Seguro podem ser visitados em tours bate-volta, assim como a Praia do Espelho, considerada uma das mais bonitas do Brasil, com seu mar com matizes de verde e azul emoldurado por falésias.


Como Chegar

Do aeroporto de Porto Seguro o caminho mais curto é pela balsa, a 4 km do aeroporto, que desembarca na Ponta do Apaga-Fogo, a 6 km do centro do Arraial. Indo direto pelo asfalto o trajeto totaliza 63 km (mas pode valer a pena se tiver muita fila na balsa).

TRANSFER: Do aeroporto o transporte até Arraial sai por cerca de R$ 150*.

TRANSPORTE PÚBLICO: É possível pegar um táxi até a balsa (cerca de R$ 20), atravessá-la a pé (cerca de R$ 4,50) e dali subir numa van ou ônibus até o centrinho (cerca R$ 3,25).

*Valores pesquisados em janeiro de 2019. Todos estão sujeitos a alterações.

Porto Seguro – Distrito

Porta de entrada para a região, a cidade é para todos: atende desde jovens em festas de formatura que frequentam as barracas de praia mais badaladas a casais atrás de descanso em praias bonitas e restaurantes de comida típica. O centro histórico conta um pedaço da história do Brasil e a infraestrutura turística, com um comércio intenso, abastece quem quer partir para os vilarejos mais rústicos ao sul. Uma grande parte dos passeios de natureza pela região também é acessada a partir dali, entre observação de baleias, trilhas na mata e visita às reservas indígenas.


Centro Histórico

Dos mais antigos do Brasil, o núcleo histórico de Porto Seguro remete diretamente aos tempos da chegada dos portugueses – na época da colônia, abrigava os principais edíficos religiosos e civis da cidade. Na chamada Cidade Alta, estão o Memorial da Epopeia do Descobrimento, com uma réplica da caravela de Pedro Álvares Cabral em tamanho real, e, envolvido por uma redoma de vidro, o marco de posse de 1503, atribuído à expedição do navegador Duarte Coelho. Veja também a Igreja Nossa Senhora da Pena, de 1535, e o Museu de Arte Sacra, reaberto em 2018, com mobiliário e objetos religiosos históricos. A Casa de Câmera e Cadeia, de 1772, abriga o Museu de Porto Seguro, que resgata a cultura dos povos indígenas da região e a linha do tempo da colonização. Na Cidade Baixa está a famosa Passarela do Descobrimento, ou Passarela do Álcool, com barracas de bebidas e petiscos baianos, além da clássica feirinha de artesanato local.


Taperapuã

É a casa das megabarracas de praia tão características da cidade que podem receber até 10 mil pessoas por dia, e têm palcos, restaurantes, vestiários, lojas e áreas VIP. Elas oferecem desde almoço com frutos do mar até luaus e aulas de dança. Na praia, dá para praticar vôlei de areia, alugar um caiaque ou fazer um passeio de banana boat.


+ Praias

Para além de Taperapuã, é possível seguir a Praia de Mundaí, cujo clima tranquilo e o mar sossegado é procurado por famílias com crianças. A prata da casa é, porém, a Praia do Mutá, onde a paisagem é impecável e os restaurantes e barracas, charmosos. A caminho de Santa Cruz Cabrália, vale passar também na Praia de Ponta Grande, faixa de areia semideserta em frente ao Parque Marinho do Recife de Fora.


Outras Atrações

Passeios de barco que incluem equipamento e petiscos levam aos recifes de corais do Parque Marinho do Recife de Fora ou do Parque Marinho de Coroa Alta, ambos com piscinas naturais que deixam ver peixinhos, ouriços e estrelas-do-mar. Entre julho e outubro é possível fazer tours de observação de baleias-jubarte, que vêm ao litoral baiano para se reproduzir. Próximo ao centro da cidade fica a Reserva da Jaqueira, comunidade que reúne cerca de 30 famílias da etnia pataxó e provê um dia de imersão na cultura do povo, com vestimentas, pinturas, histórias e casas típicas. No recém-inaugurado Parque Nacional do Pau Brasil, há trilhas bem sinalizadas com trechos de Mata Atlântica e diversos exemplares da árvore que batizou o país.


Como chegar

O Aeroporto de Porto Seguro recebe voos diretos de diversas cidades do Brasil e de países vizinhos como a Argentina.

Porto Seguro

Os quatro distritos que colorem e inspiram as suas férias

O município guarda uma fração importante da natureza e da história do Brasil: parte da Costa do Descobrimento, onde um dia desembarcaram as naus portuguesas, ali estão algumas das principais construções dos tempos da colonização, além de reservas indígenas que nos conectam com as raízes do país. O litoral exibe manguezais, falésias, coqueirais e mar azul-claro, enquanto parques nacionais preservam áreas enormes de Mata Atlântica. Seus vilarejos, que cultivam, ao mesmo tempo, charme e simplicidade, estão entre os mais encantadores do país: entre Arraial d’Ajuda, Trancoso e Caraíva, você vai encontrar a sua praia.


Saiba mais sobre a parceria do Airbnb com o município


Encontre o seu lugar ideal

Arquitetura colonial, passeios históricos, boutiques pé na areia, jangadas, encontro do rio com o mar, dias de descanso para todos os gostos: descubra se a sua praia é Porto Seguro, Arraial, Trancoso ou Caraíva — ou todas elas.

Porto Seguro

Porto Nova

Teste

Thanks for your application!

La Fête des voisins and Airbnb thank you for your participation and your desire to promote the businesses in your neighbourhood!

Responses will be reviewed by the end of March. If you are one of the winners, we will get back to you in early April.

The Airbnb team.


To follow Airbnb’s news, like the Airbnb Citizen Facebook page.

Merci d’avoir soumis vos commerces préférés

La Fête des voisins et Airbnb vous remercient de votre participation et votre envie de  promouvoir les commerces de votre quartier !

Les réponses seront étudiées d’ici la fin du mois de mars. Si vous faites partie des gagnants, nous reviendrons vers vous début avril. 

L’équipe Airbnb.


Pour suivre l’actualité d’Airbnb, likez la page Facebook d’Airbnb Citizen. 

Airbnb Africa Academy: Empowering emerging African entrepreneurs

As part of Airbnb’s support for a new generation of entrepreneurs, Airbnb has created the Airbnb Africa Academy, an initiative to encourage healthy tourism and entrepreneurship  in rural and under-resourced communities across the continent.  By working with community-based and grassroots organisations, the Academy provides local hosts and co-hosts information and tools that they can use to create listings on Airbnb’s platform or creating a unique experience to further expand the role of local, healthy and inclusive opportunities in African tourism. The Airbnb Africa Academy is part of Airbnb’s $1 million commitment to boost community-led tourism in Africa, and is supported by the World Bank Group.

If you are interested in partnering with Airbnb or learning more about the Airbnb Africa Academy, please contact [email protected].

The Programme

Learn more

The Airbnb Africa Academy Toolkit

Learn more

Africa Travel Summit

Learn more

Airbnb Africa Academy: The Programme

Airbnb Africa Academy is Airbnb’s pilot programme focused on connecting emerging entrepreneurs in under-resourced communities with tourism potential in Africa to the tools and skills to  succeed on the Airbnb platform.

We know that the 21st century traveller wants to get off the beaten track, away from mass hotels and connect with local communities. Many communities in Africa neither have the formal tourism infrastructure nor the technology skills to take full advantage of this demand and the economic opportunity it holds. AAA will look to tackle this opportunity with the goal of ensuring that even the most under-resourced communities in Africa can benefit from tourism.

Now in its second year after an initial test phase  in eight South African communities in 2018, the Airbnb Africa Academy is focused on further building out its impact model in partnership with grassroots tourism organisations in both South Africa and Kenya. The AAA model has a dual approach: 1.  Building out training and curriculum materials addressing the unique challenges of under-resourced communities in Africa and 2. empowering partner organisations embedded in high-tourism communities to train and support emerging entrepreneurs to succeed on the Airbnb platform.

Academy Participant Testimonies

“We’re not saying to people come to the township and just leave; [we’re saying] come to the township and experience and do something.”

Harry, Alexandra, Johannesburg 

“Airbnb gave me the opportunity to actually show people the real Soweto. Our history to us is not just history that you read . . . it’s part of who we are. It’s us.”

Ntsiki , Soweto, Johannesburg

“We need to educate people, and I’m hoping that by doing this experience . . . the youth that are unemployed can realize that we have it within ourselves. You can make it.”

Lindiwe, Soweto, Johannesburg

Airbnb Africa Academy: The Toolkit

Download the first version of the The Airbnb Africa Academy Toolkit here. The toolkit is  a step by step guide, designed as part of the Airbnb Africa Academy. It is to assist hosts and co-hosts in rural and township communities to understand the tourism opportunity in their community, how to get onto the Airbnb platform and what it takes to be a successful host. This is a useful tool for hosts as well as organisations that focus on community development and tourism training. This toolkit is focused on both homes and experiences.  

The most recent iteration of the Airbnb Africa Academy took place in Johannesburg and in Cape Town in  2018, working with 12 communities in Gauteng and the Western Cape. The two-day sessions covered subjects including ways of becoming a tourism entrepreneur, evaluating the tourism potential in local communities, navigating the Airbnb platform, understanding guest expectations, and information on the standards that apply to Superhosts. Each participant was provided with the opportunity to experience the Airbnb platform firsthand, participating in an Experience and spending the night in a home listed on Airbnb.

Download the toolkit in English

 

Caraíva

Caraíva

Apesar o desenvolvimento da última década, que elevou os preços e trouxe luz elétrica e badalação, Caraíva conserva rusticidade e ares sossegados que cativam rapidamente quem faz a rápida travessia de canoa para desembarcar ali. Localizada numa pequena península no encontro do Rio Caraíva com o mar, a vila compreende um punhado de quarteirões com ruas de areia fofa, casinhas simples e esquinas adornadas pelas pinturas da artista local Duca e mangueiras, amendoeiras e jambeiros. O adorável conjunto de lojinhas, restaurantes, bares e cafés enche e desenche ao sabor das temporadas. O celular não pega, carros são proibidos. A população de pouco mais de mil pessoas une moradores e a comunidade indígena pataxó, que influencia a gastronomia e o artesanato local. A viagem se dá entre a praia de água turquesa, os pores do sol no rio e as noites de forrós, quase sagradas.

As Praias

A principal, chamada de Praia de Caraíva, tem cerca de 2 km de areia fofa e mar clarinho, com muita vegetação e poucas barracas. Na Barra, onde o rio encontra o mar, o visual é belo e as árvores fazem sombra. Atravessando o rio de canoa e caminhando cerca de meia hora você alcança a Praia do Satu, onde ficam duas lagoas de água doce. De bugue, de barco ou com uma pernada boa você chega à Ponta do Corumbau, onde na maré baixa se formam piscinas naturais e uma ponta de areia permite caminhar para “dentro” do mar. Também há passeios à famosa Praia do Espelho.


 

Outras Atrações

No caminho entre Trancoso e Caraíva você pode parar em Itaporanga, um pequeno vilarejo expoente em artesanato com lojas de utensílios de cozinha e artigos de decoração. Em Caraíva um dos passeios mais procurados é o boia-cross no Rio Caraíva, onde você desce pela correnteza sem fazer esforço. De caiaque e stand up paddle também dá para curtir o rio. Para conhecer mais sobre a comunidade pataxó, procure passeios pelas aldeias do Porto do Boi ou de Barra Velha. Para um dia zen, algumas pousadas oferecem aulas de yoga abertas ao público.


 

Como Chegar

Caraíva está a 120 km do aeroporto de Porto Seguro – os últimos 40 km são de terra. Quem vem de carro precisa deixa-lo num estacionamento e pegar uma canoa para atravessar o rio até a vila (R$ 5 por pessoa).

TRANSFERS: Do aeroporto de Porto Seguro até Caraíva cobra-se em média R$ 400 pelo deslocamento. De Trancoso, sai R$ 220.

TRANSPORTE PÚBLICO: Vá de táxi de Porto Seguro até a balsa de Arraial d’Ajuda (cerca de R$ 20), atravesse (R$ 4,50) e pegue o ônibus até Caraíva (por volta de R$ 20). De Trancoso há três ônibus (cerca de R$ 17) ao dia.

 

 

Trancoso

Trancoso

Trancoso é a própria expressão “hippie-chique”. O astral é relaxado, a natureza, abundante, e as casinhas do centro tombado, singelas. Mas seus restaurantes são de alta gastronomia, seus bares de praia servem coco em cestinhas de palha, suas lojas vendem produtos de grife e seu público fiel atrai celebridades. Seu charme é a combinação da simplicidade e o acolhimento dos locais com as adições de gente que veio de fora e não arredou mais o pé dali.

Das mais carismáticas praças do Brasil, o Quadrado de Trancoso é um terreno gramado amplo disposto ao redor da igrejinha do século 16. Em suas laterais estão construções coloridas que abrigam lojas, cafés e restaurantes que dispõem de música ao vivo e mesas externas encimadas por luminárias pendendo dos galhos de grandes amendoeiras. A vida passa devagar ali entre crianças que jogam bola no campinho, jegues e cachorros andando soltos, banquinhas de artesanato e tapioca, e casais e famílias escolhendo o menu da noite (de moqueca a sushi, de ceviche peruano a carnes argentinas).

As Praias

Descendo pelo Quadrado e atravessando uma pequena ponte de madeira chega-se a Praia dos Coqueiros, onde já dá para apreciar o visual cênico com a mata nativa, o riozinho, o manguezal. Em direção ao norte você passa pela Praia dos Nativos e, mais a frente, pelo Rio da Barra, onde há belas falésias avermelhadas. Já ao sul você eventualmente chega na praia do Rio Verde e, na sequência, na Ponta de Itapororoca. Bares e beach clubs pé na areia se enfileiram entre versões sofisticadas pertencentes a pousadas com festas no pôr do sol a barracas mais tradicionais que oferecem pratos de peixe com farofa de banana.


 

Outras Atrações

Quem curte caminhadas longas tem prato cheio em Trancoso: são 13 km, por exemplo, para ir do centro até a Praia de Mucugê, já em Arraial d’Ajuda, sempre pela areia. No outro sentido, um percurso de 17 km passa por praias vazias como Itaquena, Patimirim e a bela Barra do Rio dos Frades, onde o rio encontra o mar até chegar na famigerada Praia do Espelho. Quem preferir chegar mais rápido pode tomar passeios de lancha, quadriciclo ou carro para conhecer a praia. Também é possível curtir os arredores de Trancoso longe do mar, em tours de caiaque ou stand up pelo rio Trancoso.


 

Como Chegar

Trancoso está a 80 km em estrada asfaltada de Porto Seguro. Também é possível ir via Arraial d’Ajuda – neste caso, são cerca de 40 km a partir da chegada da balsa até Trancoso. De Arraial também tem como ir pela estrada antiga (26 km, 15 deles de terra).

TRANSFERS: Saindo do aeroporto de Porto Seguro, os transportes custam em média R$ 230 até Trancoso.

TRANSPORTE PÚBLICO: Para baratear o deslocamento, é possível pegar um táxi até a balsa de Arraial D’Ajuda (cerca de R$ 20), atravessar a pé (R$ 4,50) e de lá seguir de ônibus (em média R$ 11) até Trancoso.

 

Arraial d’Ajuda

Arraial D’Ajuda

A uma balsa de distância de Porto Seguro, Arraial é um dos vilarejos de praia mais completos do Brasil. Quer um centrinho charmoso? É só caminhar pela Rua Mucugê e pelo Beco das Cores, com restaurantes, sorveterias e bares enfileirados. Comprinhas? Siga para a Broadway, cheia de lojas com lembranças da região. Casario histórico? Na praça principal, tombada pelo IPHAN, construções coloniais coloridas estão dispostas ao redor da Igreja Matriz Nossa Senhora D’Ajuda – atrás dela, um mirante com mureta coberta por fitas do Senhor do Bonfim deixa ver o encontro do Rio Buranhém com o mar. Procura agito? Tem baladas que funcionam o ano todo e barracas de praia para deixar o dia passar entre uma caipirinha e outra. De praias, então, Arraial esbanja variedade: com fervo, diante de falésias, que formam piscinas naturais. Dá tanto para curtir a viagem a pé quanto embarcar em passeios: Arraial também está bem posicionada para conhecer Trancoso ou a Praia do Espelho e voltar no mesmo dia.

As Praias

As praias de Arraial têm como denominador comum o mar calmo azul-claro, a faixa de areia dourada e os coqueiros abundantes. Colada na vila fica a Praia de Mucugê, ocupada por barracas e restaurantes animados. Mais adiante está o trecho chamado de Parracho, onde abrem beach clubs no verão, e, na sequência, a Pitinga, enfeitada por falésias avermelhadas. De lá dá para ir até a Praia de Taípe, já a 14 km do centro, onde movimento arrefece, as falésias seguem na paisagem e o ambiente é mais natural. Em direção a Porto Seguro, Araçaípe oferece um recanto gostoso para fazer snorkel na maré baixa.


 

Outras Atrações

Empresas da região organizam atividades de esporte e ecoturismo como trilha de quadriciclo até Taípe e pedalada pelas praias. Tradicional no destino, o Arraial d’Ajuda Ecoparque tem brinquedos de parque aquático (toboáguas, piscina de ondas, escorregador para boias) bem integrados com a natureza. Trancoso e Porto Seguro podem ser visitados em tours bate-volta, assim como a Praia do Espelho, considerada uma das mais bonitas do Brasil, com seu mar com matizes de verde e azul emoldurado por falésias.


 

Como Chegar

Do aeroporto de Porto Seguro o caminho mais curto é pela balsa, a 4 km do aeroporto, que desembarca na Ponta do Apaga-Fogo, a 6 km do centro do Arraial. Indo direto pelo asfalto o trajeto totaliza 63 km (mas pode valer a pena se tiver muita fila na balsa).

TRANSFER: Do aeroporto o transporte até Arraial sai por cerca de R$ 150*.

TRANSPORTE PÚBLICO: É possível pegar um táxi até a balsa (cerca de R$ 20), atravessá-la a pé (cerca de R$ 4,50) e dali subir numa van ou ônibus até o centrinho (cerca R$ 3,25).

*Valores pesquisados em janeiro de 2019. Todos estão sujeitos a alterações.

Porto Seguro

Porto Seguro

Porta de entrada para a região, a cidade é para todos: atende desde jovens em festas de formatura que frequentam as barracas de praia mais badaladas a casais atrás de descanso em praias bonitas e restaurantes de comida típica. O centro histórico conta um pedaço da história do Brasil e a infraestrutura turística, com um comércio intenso, abastece quem quer partir para os vilarejos mais rústicos ao sul. Uma grande parte dos passeios de natureza pela região também é acessada a partir dali, entre observação de baleias, trilhas na mata e visita às reservas indígenas.

Centro Histórico

Dos mais antigos do Brasil, o núcleo histórico de Porto Seguro remete diretamente aos tempos da chegada dos portugueses – na época da colônia, abrigava os principais edíficos religiosos e civis da cidade. Na chamada Cidade Alta, estão o Memorial da Epopeia do Descobrimento, com uma réplica da caravela de Pedro Álvares Cabral em tamanho real, e, envolvido por uma redoma de vidro, o marco de posse de 1503, atribuído à expedição do navegador Duarte Coelho. Veja também a Igreja Nossa Senhora da Pena, de 1535, e o Museu de Arte Sacra, reaberto em 2018, com mobiliário e objetos religiosos históricos. A Casa de Câmera e Cadeia, de 1772, abriga o Museu de Porto Seguro, que resgata a cultura dos povos indígenas da região e a linha do tempo da colonização. Na Cidade Baixa está a famosa Passarela do Descobrimento, ou Passarela do Álcool, com barracas de bebidas e petiscos baianos, além da clássica feirinha de artesanato local.


 

Taperapuã

É a casa das megabarracas de praia tão características da cidade que podem receber até 10 mil pessoas por dia, e têm palcos, restaurantes, vestiários, lojas e áreas VIP. Elas oferecem desde almoço com frutos do mar até luaus e aulas de dança. Na praia, dá para praticar vôlei de areia, alugar um caiaque ou fazer um passeio de banana boat.


 

+ Praias

Para além de Taperapuã, é possível seguir a Praia de Mundaí, cujo clima tranquilo e o mar sossegado é procurado por famílias com crianças. A prata da casa é, porém, a Praia do Mutá, onde a paisagem é impecável e os restaurantes e barracas, charmosos. A caminho de Santa Cruz Cabrália, vale passar também na Praia de Ponta Grande, faixa de areia semideserta em frente ao Parque Marinho do Recife de Fora.


 

Outras Atrações

Passeios de barco que incluem equipamento e petiscos levam aos recifes de corais do Parque Marinho do Recife de Fora ou do Parque Marinho de Coroa Alta, ambos com piscinas naturais que deixam ver peixinhos, ouriços e estrelas-do-mar. Entre julho e outubro é possível fazer tours de observação de baleias-jubarte, que vêm ao litoral baiano para se reproduzir. Próximo ao centro da cidade fica a Reserva da Jaqueira, comunidade que reúne cerca de 30 famílias da etnia pataxó e provê um dia de imersão na cultura do povo, com vestimentas, pinturas, histórias e casas típicas. No recém-inaugurado Parque Nacional do Pau Brasil, há trilhas bem sinalizadas com trechos de Mata Atlântica e diversos exemplares da árvore que batizou o país.


 

Como Chegar

O Aeroporto de Porto Seguro recebe voos diretos de diversas cidades do Brasil e de países vizinhos como a Argentina.

Porto Seguro

.page-header .page-container-responsive .article-headline {display: none;}

Comparte tu historia

Compartilhe sua história

Conte como compartilhar sua casa beneficia você, sua família e a comunidade local.
  • Solte arquivos aqui ou
    Tipos de arquivos permitidos: jpg, png, jpeg, gif

香港

香港人熱愛旅遊,追求以地道的旅遊方式,體驗更真實的世界。作為香港人,我們亦對自己的家引以自豪,希望世界各地的朋友能夠了解香港獨有的面貌。像是Airbnb這樣的住家分享平台,正因提供更貼近我們生活的體驗,越來越受香港及全球旅客歡迎。