Núcleo Global de Turismo Responsável

Iniciativa para impulsionar o turismo que beneficia as comunidades e seus residentes inclui programas locais, conselho consultivo e divulgação de novos dados

O Núcleo Global de Turismo Responsável é uma iniciativa do Airbnb para impulsionar o turismo local, autêntico e sustentável em países e cidades em todo o mundo. Desde que a plataforma foi fundada, há 10 anos, os viajantes descobriram novos destinos e bairros fora do eixo turístico tradicional, trazendo benefícios econômicos para o comércio local e moradores ao redor do mundo. Consolidando este trabalho por meio de parcerias, programas e eventos, o Airbnb visa expandir seus esforços para fortalecer economicamente as comunidades, estimular viagens para destinos menos conhecidos e apoiar hábitos ecologicamente sustentáveis.

Iniciativas de Turismo Sustentável
No último ano, o co-fundador e chefe de Produtos do Airbnb, Joe Gebbia, inaugurou no Japão a Casa de Cedro de Yoshino, um espaço em uma comunidade rural que estava desaparecendo lentamente com o envelhecimento da população, baixas taxas de natalidade e a migração das pessoas mais jovens. Desde que a casa foi anunciada, já hospedou centenas de viajantes de 32 países e 70 empregos foram mantidos na pequena cidade com a movimentação econômica dos hóspedes e anfitriões.

O Escritório de Turismo Responsável também se concentra em atividades de recuperação rural, desde pequenas aldeias na Itália ao interior da China, para ajudar a trazer os benefícios econômicos do turismo para áreas que desejam receber mais viajantes de uma maneira sustentável. 

O Airbnb também ajuda as comunidades a ampliar as acomodações para sediar grandes eventos de forma sustentável. Um estudo do Fórum Econômico Mundial, realizado após as Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, apontou que a cidade necessitaria ter construído 257 hotéis para garantir leitos suficientes para atender a demanda de pessoas que ficaram  hospedadas em imóveis anunciados no Airbnb durante o evento. Recentemente, na Olimpíada de Inverno, na Coréia do Sul, 15 mil viajantes usaram o Airbnb – o equivalente a 7.500 novos quartos de hotéis. Juntos, os anfitriões da região ganharam mais de $ 2.3 milhões de dólares – eles ficam com 97% do valor anunciado na plataforma – garantindo que o dinheiro fique no país, com os moradores locais.

 

A maneira saudável de viajar do Airbnb também está produzindo impactos positivos e significativos em cidades e países de todo o mundo.

Hoje, a companhia revela os números de 2017 para 300 cidades e 80 países como parte de um compromisso de transparência com os governos locais.

Conselho Consultivo de Turismo do Airbnb
Promover um turismo sustentável e saudável é particularmente importante à medida que o setor cresce. De acordo com o Conselho Mundial para Viagens e Turismo (WTTC), o mercado apoia 313 milhões de empregos e gera 10% do PIB mundial. Embora o Airbnb seja uma forma inerentemente saudável de viajar, a companhia criou o Conselho Consultivo de Turismo para ajudar a moldar a visão e as atividades de longo prazo para garantir que o Airbnb seja uma solução para o turismo excessivo causado pela viagem em massa.

O Conselho Consultivo de Turismo inclui lideranças globais e formuladores de políticas públicas que têm dado o tom deste diálogo nos últimos anos na indústria:

  • David Scowsill, Executivo-chefe da EON Reality Inc. e ex-presidente do WTTC;
  • Taleb Rifai, ex-secretário geral da Organização Mundial do Turismo da ONU;
  • Rosette Rugamba, Diretor da Songa Africa e ex-Diretor Geral da Ruanda Turismo;
  • Professor the Hon Bob Carr, ex-ministro das Relações Exteriores da Austrália e ex-primeiro-ministro de Nova Gales do Sul.

“O tipo de turismo que o Airbnb oferece aumenta a qualidade de vida dos moradores e dos destinos, bem como as experiências e qualidade das viagens para os hóspedes”, disse Taleb Rifai, ex-secretário geral da Organização Mundial do Turismo da ONU. “Estou entusiasmado em fazer parte do Conselho Consultivo de Turismo do Airbnb e poder trabalhar com meus colegas de conselho para garantir que a companhia continue a ser uma força para o turismo saudável pelo mundo; uma força para o bem”.

“O Airbnb oferece uma alternativa saudável para o turismo de massa que atormenta as cidades há décadas”, disse o Diretor Global de Políticas Públicas e Comunicação do Airbnb, Chris Lehane. “O turismo é uma das maiores indústrias na economia global, mas nem todo turismo é criado da mesma forma. O Airbnb está proporcionando o melhor tipo de viagem para os destinos, os moradores e os viajantes por meio da renda extra obtida pela nossa diversificada comunidade de anfitriões (que fica com 97% do valor que é anunciado), da nossa capacidade de promover turismo nos locais que mais necessitam, e dos benefícios inerentes e sustentáveis da hospedagem”, completou.  

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!